Vale a pena investir em treinamento funcional/empresarial?

O treinamento empresarial, moderno (que alia a prática ao acompanhamento dos treinados), pode ser a parte fundamental do sucesso de quaisquer equipes em uma empresa.

Sao Silvestre 2011 resized 600

 

Lendo o artigo de Jennings é possível verificar facilmente as principais diferenças entre treinamentos que funcionam nestes tempos modernos e os tradicionais, que já não atendem mais a expectativa. Ele discorre sobre o insucesso do antigo método teórico, com excessivo volume de informações na transmissão de conhecimentos, valorizando a prática como nossa aliada na assimilação dos conteúdos e mudança no comportamento.

Este modelo sofre resistência nos RHs apenas porque ainda é novo e pode parecer arriscado. Porém as empresas citadas no artigo, que utilizaram, estão muito satisfeitas e recomendam.

Um outro ponto citado foi a importância no acompanhamento pós treinamento, visto que será durante a rotina na empresa que muitas dúvidas surgirão. Com este apoio o aproveitamento geral do curso e seus resultados efetivos aumentam muito. Esta é a satisfação que precisa ser encontrada ao findarem os treinamentos: resultados. A maioria dos RHs sente-se satisfeito com as boas avaliações do coach ou do curso, feitas pelos treinados. Mas para a empresa isso não é o bastante.

 

Quais os resultados efetivos em excelência ou produtividade que tal treinamento empresarial trouxe?

 

Desconsiderar que já existem boas alternativas no mercado para treinamentos empresariais com soluções mais criativas, práticas, que oferecem acompanhamento em tempo real e produzem resultados mais efetivos, pode ser um grande erro. Não ser tradicional é uma vantagem competitiva considerável nestes tempos de internet a todo vapor. Aliás, este é outro ponto importante citado no artigo, hoje em dia tudo muda tão rápido que ao final de um treinamento empresarial parte das informações recebidas podem não valer mais. Se houver interação contínua e regular pós-treinamento, este acompanhamento fará às devidas correções e adaptações necessárias a realidade do cotidiano.

Jennings chama esta ideia de solução como Business Process Guidance – BPG.

“… A BPG é uma combinação única entre tecnologia e serviço, que realmente dá suporte ao funcionário quando e onde ele precisar. O procedimento alcança melhoria no desempenho por meio de um ciclo contínuo de aprendizagem efetiva, orientando e dando suporte ao funcionário no momento em que necessita desenvolver sua tarefa…”

Baixe grátis seu pdf do artigo editado e distribuído pela primeira vez em língua portuguesa por meio da parceria entre a Ciatech e o autor Charles Jennings.

Como você e sua empresa têm escolhido e mensurado os resultados efetivos dos últimos treinamentos empresariais que foram realizados? Deixe seu comentário.

Baixe nosso e-book 

Como turbinar a produtividade da equipe

   {{cta(‘0a182731-7b15-4a47-a4da-77d862d79f29’)}}

Abraços 

Marcia.Sisi@CallDaniel.com.br
Especialista em Gestão do Tempo e Produtividade

+Produtividade -Estresse

 

 

imagem: br.noticias.yahoo.com

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *