Mindfulness: veja como esse método auxilia na redução da ansiedade!

O mindfulness, resumido como a capacidade de focar no momento presente, tem chamado a atenção de diversos pesquisadores. O motivo disso é a qualidade dos resultados obtidos por quem realiza essa prática diariamente.

Segundo a pesquisa do Professor John Durocher, da Michigan Technological University, uma hora por dia traz benefícios incríveis e pode revolucionar a vida dos praticantes. O principal deles é a redução da ansiedade, um mal compartilhado pela grande maioria das pessoas, ainda mais com um dia a dia cada vez mais turbulento.

Mas como o mindfulness ajuda nisso? É o que você vai descobrir com este artigo. Boa leitura!

Promove a mudança de atitude

A mudança de atitude é uma das principais vantagens do mindfulness, e não falamos de uma simples alteração no comportamento, mas sim de uma mudança radical. Quando prestamos mais atenção em tudo ao nosso redor, fica mais fácil perceber os nossos erros e acertos.

Diante disso, uma nova postura é consequência e acontece de forma quase automática para quem pratica o mindfulness com regularidade. Melhorar a sua posição diante dos fatos traz mais forças para encará-los e, a partir disso, encontrar soluções.

Melhora a qualidade de vida

Se ampliarmos os benefícios do tópico anterior, vemos que melhorar a atitude acarreta em algo muito mais significativo: uma mudança de vida. Quem não gostaria de controlar a ansiedade e o estresse e, assim, ter menos preocupações no dia a dia? Nesse ponto o mindfulness ajuda muito. Por mais simples que a prática seja, os resultados poderosos justificam o porquê de tanta atenção para essa técnica.

Um grande erro cometido por quem tem o primeiro contato com o mindfulness é considerar perda de tempo a dedicação de um momento diário para praticá-lo. Pelo contrário, a sequência da prática mostrará um ganho de tempo na verdade.

Com a redução do estresse e da ansiedade, a produtividade aumenta e permite fazer mais em menos tempo. Portanto, investir um momento diário para a prática do mindfulness é benéfico em todos os sentidos e vale a pena ser feito para quem deseja uma performance melhor.

Ajuda a ser mais consciente

Quantas coisas passam e não percebemos? É comum essa sensação de achar que o tempo passa rápido. Parte dela pode ser explicada pelo fato de estarmos inconscientes durante a maior parte do tempo. Ou seja, não conseguirmos observar ativamente as experiências vividas. 

Com o mindfulness, isso muda. Afinal, ele ajuda o praticante a se tornar um observador mais ativo. Os resultados melhoram com a prática e, por isso, é tão importante valorizar a sequência para o mindfulness ser, acima de uma atividade, um estilo de vida.

Afasta a pressão alta

A pressão alta, em muitos casos, surge como consequência do estresse. Como o mindfulness reduz esse sentimento e também a ansiedade, acaba naturalmente por afastar a pressão alta.

Além disso, a prática também auxilia para afastar e minimizar outras doenças, como câncer, derrame, depressão, insônia e cardiovasculares. Isso porque todas elas podem surgir com a falta de gerenciamento do estresse.

Conforme um estudo feito pelo Professor David Creswell, da Universidade Carnegie Mellon, a redução do estresse ocorre por aumentar a atividade do córtex pré-frontal e melhorar os níveis de consciência. As atividades na amígdala, cíngulo anterior do córtex e hipotálamos, todos responsáveis por ativar respostas ao estresse, são diminuídas. Dessa forma, o sentimento pode ser melhor gerenciado.

Todos os benefícios aqui apresentados mostram por que o mindfulness é tão procurado, praticado e elogiado atualmente. A prática diária funciona como um portal para ganharmos uma qualidade de vida inimaginável. Basta ter disciplina para fazer dela uma atividade constante no seu cotidiano.

E como seria se você aprendesse essa prática ainda hoje? É o que o Programa Mind oferece. Entre em contato conosco e descubra mais sobre esse incrível método!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *