Lembrar ou esquecer. Efeito Zeigarnik

Você sabia que nós possuímos um mecanismo cognitivo que nos ajuda a lembrar mais das tarefas inacabadas que das acabadas?

Todos nós estaremos sob certa tensão sempre que “algo” que precisa ser feito ainda não o foi. Esta tensão é a responsável por nos lembrar que devemos voltar àquela tarefa para termina-la. Este efeito ficou famoso como Efeito Zeigarnik, estudado por Bluma Zeigarnik.  O estudo comprovou que a tensão só desaparece depois da tarefa concluída.

Não é muito difícil replicar o experimento se prestarmos atenção a nossa própria rotina. De fato conseguimos perceber com bastante clareza o alívio que sentimos ao concluir as ações que nos propomos. Pode ser um pedido de desculpas, uma visita ao dentista, ou a entrega de um relatório. A sensação de missão cumprida é bem parecida. Coletar, processar, organizar, agir, revisar.


Você já jogou Candy Crush Saga? 

Para o professor de psicologia e ciências cognitivas Tom Stafford, da Universidade de Sheffield, na Grã-Bretanha, o vício em Candy Crush se relaciona a este mesmo fenômeno psicológico chamado efeito Zeigarnik. Um artigo no portal G1 discorre sobre o assunto explicando como esta psicologia colabora para o enorme sucesso de jogos similares ao Candy.

Além da urgência criada no ambiente do jogo, são impostas penalidades de tempo de espera para retomá-lo caso suas “vidas” se acabem. A sensação de tarefa incompleta induz a rotina e até ao vício. Muitos jogadores já gastaram fortunas neles, induzidos a continuar ali.


Lembrar ou esquecer está gerando tensão em sua vida?

Este é um problema que o método GTD soluciona visando uma mente tranquila como água. Ao implementar a rotina do GTD você já começa a confiar que isso seja possível. Quando torna-se um hábito você confia tanto que não irá mais “perder” nada de importante, que, lembrar e esquecer deixam de ser motivo de tensão.

Quando se lembra de algo, anota. Para não esquecer e garantir a realização, revisa com regularidade. Os 5 passos do método conduzem nossa rotina de forma matemática e precisa, gerando alívio, confiança e conforto. O efeito Zeigarnik não deixa de atuar, mas provoca menos tensão e estresse porque sua impressão é a de missão cumprida o tempo todo. Ao anotar sente-se confiante de que não será esquecido, você vai processar no melhor momento que decidir por isso. A impressão de tarefa inacabada se dissolve pela ação de anotar, já realizada. A ansiedade é diluída com as revisões regulares do seu sistema, você sabe que está fazendo as melhores escolhas possíveis.

Isso já está acontecendo com você? Se ainda não, peça ajuda nos comentários do blog ou baixe nossos e-books para descobrir mais caminhos possíveis. Ebook “16 caminhos para manter-se tranquilo e produtivo” e “Guia de introdução ao GTD” são minhas sugestões por agora.

Abraços

Marcia Sisi

Especialista em gestão do tempo e produtividade

imagem: agilissimo.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *