Por que as pausas no trabalho melhoram a produtividade?

Em um mundo cada vez mais globalizado e conectado, a rotina da maioria dos profissionais é cheia de compromissos. Muitas vezes, faltam oportunidades de pausas no trabalho. Sem que se perceba, isso pode gerar estresse e um bloqueio na produtividade e na criatividade.

Para executar melhor as suas funções, pare de trabalhar! É isso mesmo, dê um tempo. Esse paradoxo é explicado pelos benefícios comprovados na vida de profissionais que respeitam seus limites e aderem às pausas no trabalho como uma prática a ser seguida.

Quer saber quais são as vantagens desses intervalos e descobrir como aproveitar esses momentos? Confira no post!

Benefícios das pausas no trabalho

Há algum tempo, pesquisadores do mundo inteiro se debruçam nos estudos para descobrir o motivo de algumas pessoas atuarem melhor do que outras em seus empregos, ainda que nas mesmas condições laborais.

As investigações feitas nessa área apontam que o segredo está em descansar por alguns minutos, várias vezes ao longo do dia.

pesquisa da DeskTime, por exemplo, mostrou, por meio de um aplicativo, que os colaboradores mais produtivos faziam uma pausa de 17 minutos a cada 52 minutos trabalhados.

Esse tempo pode variar de acordo com a empresa em que se trabalha e a função exercida. Contudo, o que importa são os resultados obtidos com essa técnica. Veja alguns deles:

Intensifica as atividades mentais

O cérebro precisa de descanso. Parar por alguns minutos ajuda a elevar os níveis de glicose — que funciona como um combustível para o órgão em questão — e isso faz com que o pensamento, a atenção e outras atividades cerebrais sejam mais intensas ao retomar o trabalho.

Alivia o estresse

O estresse, segundo o dicionário Priberam, é o “conjunto das perturbações orgânicas e psíquicas provocadas por vários estímulos ou agentes agressores, como (…) condições de vida muito ativa e trepidante.”

Portanto, para não comprometer a saúde física e mental, algumas pausas devem ser feitas. Além de aliviar a tensão, isso pode ajudar a colocar as situações difíceis sob outra perspectiva.  

Eleva a concentração

Após muitas horas consecutivas de trabalho, o cérebro tende a perder o foco. Todavia, a atenção plena é mantida quando o indivíduo sabe que terá uma pausa dentro de pouco tempo.

Aumenta a criatividade

A ocupação intermitente é um bloqueador da criatividade. Porém, se em vez de permanecer estático, o sujeito sair da frente da tela do computador (ou qualquer outro instrumento de trabalho) e fizer uma pausa nas suas atividades, a probabilidade de que a imaginação entre em cena é muito maior.

Melhora a tomada de decisões

Fazer escolhas conscientes e apropriadas demanda certa tranquilidade. Uma atividade psíquica atribulada pode acarretar decisões precipitadas e consequências indesejáveis. Realizar interrupções aquieta a mente e permite enxergar as coisas com mais clareza.  

Maneiras para aproveitar melhor as pausas

Várias técnicas podem ser utilizadas nas pausas durante o trabalho. Abaixo, listamos algumas:

Andar um pouco

Andar pelo local de trabalho, com a atenção voltada para a caminhada, sem celulares, sem pensar no que precisa ser feito, sem planejar algo etc. Somente caminhar. Isso pode quebrar o ciclo de preocupações incessantes e desgastantes.

Treinar a mente com o mindfulness

Mindfulness é a arte de se concentrar no instante vivido. É um tipo de meditação que pode aprimorar sua capacidade de foco e sua produtividade.

Basta fazer uma pausa e prestar atenção nas sensações do corpo, observar as cores, os objetos, o clima, as pessoas ao redor. Sem fazer julgamentos, apenas se abrir e apreciar o momento.

Fazer uma técnica de respiração

Inspirar e expirar por várias vezes seguidas, observando as reações do corpo e pensando nos movimentos feitos durante essa simples ação e em nada mais além disso.

Embora a maioria dos profissionais não possa limpar de suas agendas as tarefas e os compromissos a serem cumpridos, existe a opção de se livrar do impulso de resolver tudo sem intervalos entre uma atividade e outra.

Trabalhar no piloto automático deixa de ser uma escolha quando se descobre que fazer pausas no trabalho é benéfico não apenas para o profissional, mas, também, para a empresa de modo geral.

Gostou deste post? Então, assine a newsletter e receba em primeira mão nossas novidades!

Você também pode aproveitar suas pausas de uma maneira excelente: já conhece o MIND? O treinamento MIND está com valor especial por tempo limitado… que tal?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *